"...nem todos os dias são dias de olhar feliz. Estes dias raramente nos são oferecidos (daí o seu mistério) e quase sempre têm de ser construídos, desenhados, conquistados. Nesta procura do sentir a alma plena dos reflexos doces destes dias de olhar feliz, a vida, a nossa vida, mistura dor e alegria, sofrimento e felicidade, desilusão e sonho, amargura e paixão, choro e riso, ódio e amor. Assim, quando nessa busca constante O vento te rugir e a chuva cair em massa, quando o céu te fugir e sentires o teu amor em desgraça, quando o arco-íris te mentir e a sua recordação ficar laça, lembra-tedo brilho divino que vislumbraste nesta promessa de amor eterno….Lembra-te Que o vento, a chuva, o cinzento do céu, o arco-íris, as tuas lágrimas, as tuas duvidas, todos eles fazem parte do mistério da vida. Lembra-te Como Pessoa, que: “O mistério das cousas? Sei lá o que é o mistério. Único mistério é haver quem pense no mistério.”Aí ergue os teus olhos para o firmamento e procura devagar, em paz, o caminho de regresso ao vosso arco-íris de mãos dadas com o brilho intenso e mágico (quase irreal) da mais nova de todas as estrelas do céu..." LC21/06/97

15/01/2008

Frases

15/01/2008
A propósito de um comentário, lembrei-me de colocar aqui algumas frases sobre a forma como tratamos os animais. Espero que gostem.

  • A compaixão pelos animais está intimamente ligada à bondade de caráter, e pode ser seguramente afirmado que quem é cruel com os animais não pode ser um bom homem. Arthur Schopenhaue

  • A questão não é eles pensam ? Ou eles falam? A questão é: eles sofrem".
    Jeremy Bentham,

  • "A vida é tão preciosa para uma criatura muda quanto é para o homem. Assim como ele busca a felicidade e teme a dor, assim como ele quer viver e não morrer, todas as outras criaturas anseiam o mesmo".
    Dalai Lama


  • Se recolhes um cachorro faminto e lhe deres conforto ele não te morderá. Eis a diferença entre o cachorro e o homem.Mark Twain

  • Não há diferenças fundamentais entre o homem e os animais nas suas faculdades mentais (...) os animais, como os homens, demonstram sentir prazer, dor, felicidade e sofrimento.(Charles Darwin)

  • "Cães amam seus amigos e mordem seus inimigos, bem diferente das pessoas, que são incapazes de sentir amor puro e têm sempre que misturar amor e ódio em suas relações." - Sigmund Freud


  • "A grandeza de uma nação pode ser julgada pelo modo que seus animais são tratados" - Mahatma Gandhi

Mas, as minhas preferidas são do livro A Insustentável Leveza do Ser, do Milan Kundera, tais como:

"Tenho sempre diante dos olhos Tereza sentada sobre um tronco, acariciando a cabeça Karenin, e pensando no desvio da humanidade. Ao mesmo tempo, surge para mim uma outra imagem: Nietzsche esta saindo de um hotel em Turim. Vê diante de si um cavalo, e um cocheiro espancando-o com um chicote. Nietzsche se aproxima do cavalo, abraça-lhe o pescoço, e sob o olhar do cocheiro, explode em soluços. Isso aconteceu em 1889, e Nietzsche já estava também distanciado dos homens. Em outras palavras: foi precisamente nesse momento que se declarou sua doença mental. Mas, para mim, e justamente isso que confere ao gesto seu sentido profundo. Nietzsche veio pedir ao cavalo perdão por Descartes. Sua loucura (portanto seu divorcio da humanidade) começa no instante em que chora sobre o cavalo. E este Nietzsche que amo, da mesma forma que amo Tereza, acariciando em seus joelhos a cabeça de um cachorro mortalmente doente. Vejo-os lado a lado: os dois se afastam do caminho no qual a humanidade, "senhora e proprietária da natureza", prossegue sua marcha para a frente." (A Insustentável Leveza do Ser)

"Nunca se poderá determinar com certeza em que medida nosso relacionamento com o outro é o resultado de nossos sentimentos, de nosso amor, de nosso não-amor, de nossa complacência, ou de nosso ódio, e em que medida ele é determinado de saída pelas relações de força entre os indivíduos. A verdadeira bondade do homem só pode se manifestar com toda a pureza, com toda a liberdade, em relação àqueles que não representam nenhuma força. O verdadeiro teste moral da humanidade ( o mais radical, num nível tão profundo que escapa a nosso olhar) são as relações com aqueles que estão à nossa mercê: os animais. É aí que se produz o maior desvio do homem, derrota fundamental da qual decorrem todas as outras." (Sétima parte, A Insustentável Leveza do Ser)

"Os cães são o nosso elo com o paraíso. Eles não conhecem a maldade, a inveja ou o descontentamento. Sentar-se com um cão ao pé de uma colina numa linda tarde, é voltar ao Éden onde ficar sem fazer nada não era tédio, era paz."Milan Kundera

7 diga lá:

Formiguinha disse...

Roubei para o blog dos bichos;)

Jinhos**

Van Dog disse...

Lindas.

Pintas disse...

Que palavras lindas amiguinha.

Em breve coloco post da Lucrécia, tão linda que está; eu e ela temos uma ligação muito grande, ela refugia-se muito em mi.

Um beijinho grande,

Pintas

Susana Pina disse...

Palavras sábias, e que qualquer animal agradece.
Uma beijoquinha grande
Susana

amora disse...

Amiga, amei. Assim que comecei a ler o teu post lembrei-me imediatamente do livro do Milan Kundera porque para mim ele faz das melhores decrições acerca do amor pelos animais.

A única coisa que tenho pena é que estas frases apenas comovam os corações de quem já amam os bichos e deixem indiferentes aqueles que os desprezam.

Há realmente muitas formas de amor e o amor pelo animais é sem dúvida muito especial. Eu não passo sem ele!

beijos meus e ron rons do meu gato para ti

Maganita disse...

Agora fizeste-me voltar uns bons anos atrás quando li este livro pela primeira vez e de facto a história de Karenin foi uma das muitas coisas que me tocaram neste livro.

Beijinhos grandes

Anónimo disse...

Adorei!!!
Na minha vida não consigo imaginar-me sem os meus cães foram eles que me fizeram companhia,ajudaram a atenuar a dor da infertilidade costumo dizer em casa somos 5!!!
Tenho a certeza que todas estas frases vão tocar em alguem que não pense como nós!!

Bjs
Carla

 
Design by Pocket