"...nem todos os dias são dias de olhar feliz. Estes dias raramente nos são oferecidos (daí o seu mistério) e quase sempre têm de ser construídos, desenhados, conquistados. Nesta procura do sentir a alma plena dos reflexos doces destes dias de olhar feliz, a vida, a nossa vida, mistura dor e alegria, sofrimento e felicidade, desilusão e sonho, amargura e paixão, choro e riso, ódio e amor. Assim, quando nessa busca constante O vento te rugir e a chuva cair em massa, quando o céu te fugir e sentires o teu amor em desgraça, quando o arco-íris te mentir e a sua recordação ficar laça, lembra-tedo brilho divino que vislumbraste nesta promessa de amor eterno….Lembra-te Que o vento, a chuva, o cinzento do céu, o arco-íris, as tuas lágrimas, as tuas duvidas, todos eles fazem parte do mistério da vida. Lembra-te Como Pessoa, que: “O mistério das cousas? Sei lá o que é o mistério. Único mistério é haver quem pense no mistério.”Aí ergue os teus olhos para o firmamento e procura devagar, em paz, o caminho de regresso ao vosso arco-íris de mãos dadas com o brilho intenso e mágico (quase irreal) da mais nova de todas as estrelas do céu..." LC21/06/97

27/07/2007

Um bocadinho do nosso passado…pode ser?

27/07/2007
Estremoz é uma bonita vila alentejana que guarda imensa história. Na vila existe vários pontos de interesse sendo um deles o seu Castelo, o início da sua construção remonta ao século XIII, é um palácio mandado construir por D. Diniz para a sua mulher, a Rainha Santa Isabel.
Neste palácio destaca-se A Torre de Menagem ou "Torre das Três Coroas", este nome resulta, supõe-se, por ter sido obra de três reinados - D. Afonso IV, D. Pedro e D. Fernando.
Apesar de viver recolhida num convento franciscano em Coimbra (Santa Clara-a-Velha) desde a morte do D. Dinis, foi nesta vila que a rainha Santa Isabel morreu. Em 1336 deslocou-se a Estremoz para tentar evitar mais uma guerra familiar (a coitada da senhora só podia mesmo vir a ser santa, e que santa! Passou a vida a evitar guerras familiares e a criar como se fossem seus, alguns dos muitos filhos bastardos do marido) conseguiu evitar a guerra mas não a sua morte, morreu de doença a 4 de Julho de 1336.
Existem na vila, diversas lendas relacionadas com este período em que a rainha Isabel esteve em Estremoz, algumas delas relacionadas com a viagem do seu corpo para Coimbra.

Eu admiro imenso esta nossa rainha, natural de Aragão soube adoptar a sua nova pátria de forma incondicional, mais conhecida pelo milagre das Rosas, do que por qualquer outra razão, desempenhou um papel muito importante na nossa história fazendo uso do seu bom senso e da sua lucidez, papel esse por vezes esquecido. A sua estátua encontra-se mesmo em frente ao castelo.
Reza a história que foi também neste local que D. Pedro (neto da Rainha) se refugiou para chorar a morta da sua linda Inês, e que também aqui namoraram D. Leonor Teles e o Rei D. Fernando, dizem as más-línguas que o Conde de Andeiro, também por lá andava!
Em 1490, a Princesa D. Isabel encontrou-se em Estremoz, com o seu sogro e com o seu noivo e, como casara por procuração em Sevilha, decidiu repetir a cerimónia em Santa Maria do Castelo. Foi, nessa altura, que pela primeira vez na Corte, homens e mulheres bailaram juntos.
Muitos outros acontecimentos houve nesta vila dignos de registo, mas optei por falar aqui dos mais glamourosos. Com tantas histórias de amor é o local ideal para passear e namorar, não acham?

Nota: Podia-me ter dado para gostar de ler sobre líderes partidários contemporâneos ou porque não sobre presidentes de clubes de futebol, mas não deu, deu-me para a monarquia, são coisas que acontecem, desculpem qualquer coisinha.

2 diga lá:

amora disse...

Eu adoro o alentejo e por isso já tive o prazer de ir a Estremoz umas quantas vezes, apesar disso não sabia tanto da sua história nem nunca comi no restaurante que sugeres no post anterior. Por isso já tenho mais um motivo para lá voltar.

beijinhos

Luna disse...

a comida alentejana é um atentado á nossa dieta, ferias optimas mistura alentejana e madeirense.
beijos e benvinda ao mundo trabalho hehe
luna

 
Design by Pocket