"...nem todos os dias são dias de olhar feliz. Estes dias raramente nos são oferecidos (daí o seu mistério) e quase sempre têm de ser construídos, desenhados, conquistados. Nesta procura do sentir a alma plena dos reflexos doces destes dias de olhar feliz, a vida, a nossa vida, mistura dor e alegria, sofrimento e felicidade, desilusão e sonho, amargura e paixão, choro e riso, ódio e amor. Assim, quando nessa busca constante O vento te rugir e a chuva cair em massa, quando o céu te fugir e sentires o teu amor em desgraça, quando o arco-íris te mentir e a sua recordação ficar laça, lembra-tedo brilho divino que vislumbraste nesta promessa de amor eterno….Lembra-te Que o vento, a chuva, o cinzento do céu, o arco-íris, as tuas lágrimas, as tuas duvidas, todos eles fazem parte do mistério da vida. Lembra-te Como Pessoa, que: “O mistério das cousas? Sei lá o que é o mistério. Único mistério é haver quem pense no mistério.”Aí ergue os teus olhos para o firmamento e procura devagar, em paz, o caminho de regresso ao vosso arco-íris de mãos dadas com o brilho intenso e mágico (quase irreal) da mais nova de todas as estrelas do céu..." LC21/06/97

16/03/2007

Ai as saudades…..

16/03/2007

Falta menos de um mês, para fazer 2 anos da despedida da Inca.
E eu tenho tantas saudades, ainda!
Do cheiro, do olhar, de lhe acariciar o pêlo.
Tenho saudades da segurança que ela me transmitia.
Não se pode viver do passado, é verdade, mas, também não se pode apagar o nosso passado, e a Inca apesar de ser passado, é uma parte do meu passado.
E é impossível apagar as vivências de cada um de nós.
Adoro a minha preta maluca, mas uma coisa não têm nada a ver com a outra.
Não é por gostar de uma que me esqueço da outra.
Mas confesso que tinha esperança que por esta altura, já não doe-se tanto, mas dói, muito, sinto a alma esmagada pelas saudades, sinto muito a falta do teu olhar doce e meigo.


Um bom fim-de-semana para todos!

6 diga lá:

Maria disse...

Eu compreendo o que dizes... Um amigo novo nunca substitui um antigo. O tempo não apaga as saudades e também não apaga as recordações, que estarão sempre contigo!

Beijinhos grandes e lambidelas da minha menina! :)))

viviana disse...

nunca sera substituida...
jokas fofas e um bom fds

kitty disse...

Eles marcam-nos muito...

Beijinho

Um dia vamos conseguir!!! disse...

Querida nem é bom pensar nisso, eu que sou uma fã de animais,,os meus cães são o meu tesouro, só consegue perceber isto quem os tens, qd perco um é uma dor!!!mas tenho que arranjar logo outro..digo sempre que é o ultimo,,mas que nada....

beijocas e uma boa semana

patricia

Lita disse...

Conseguem marcar-nos de uma forma que não dá para explicar. Sei o que é isso porque também perdi um cão quando tinha 13 anos e ainda hoje me lembro dele, com carinho.
é bom sinal, sinal que nos fizeram pessoas felizes!

Um grande beijinho,
Lita

Silvia disse...

O Amor verdadeiro nunca se esquece:)))

 
Design by Pocket