"...nem todos os dias são dias de olhar feliz. Estes dias raramente nos são oferecidos (daí o seu mistério) e quase sempre têm de ser construídos, desenhados, conquistados. Nesta procura do sentir a alma plena dos reflexos doces destes dias de olhar feliz, a vida, a nossa vida, mistura dor e alegria, sofrimento e felicidade, desilusão e sonho, amargura e paixão, choro e riso, ódio e amor. Assim, quando nessa busca constante O vento te rugir e a chuva cair em massa, quando o céu te fugir e sentires o teu amor em desgraça, quando o arco-íris te mentir e a sua recordação ficar laça, lembra-tedo brilho divino que vislumbraste nesta promessa de amor eterno….Lembra-te Que o vento, a chuva, o cinzento do céu, o arco-íris, as tuas lágrimas, as tuas duvidas, todos eles fazem parte do mistério da vida. Lembra-te Como Pessoa, que: “O mistério das cousas? Sei lá o que é o mistério. Único mistério é haver quem pense no mistério.”Aí ergue os teus olhos para o firmamento e procura devagar, em paz, o caminho de regresso ao vosso arco-íris de mãos dadas com o brilho intenso e mágico (quase irreal) da mais nova de todas as estrelas do céu..." LC21/06/97

31/01/2007

31/01/2007
Este link é de um filme elaborado pela Associação Refúgio das Patinhas.
http://www.youtube.com/watch?v=z3YsS9K4g8U

O filme contém fotografias dos animais recolhidos pela associação noestado em que chegaram aos cuidados das voluntárias, e depois de serem recuperados e entregues aos seus adoptantes.
Fui uma das pessoas que teve o prazer de adoptar uma das cadelas queaparece neste vídeo e penso que o trabalho desta associação merece serdivulgado por todas as formas possíveis. Trata-se de um pequeno grupode pessoas que, através de um trabalho árduo e dedicado, temconseguido chegar a um grande número de animais necessitados.
Visitem o site da Associação: http://www.refugiodaspatinhas.org/ e, sepuderem, ajudem estes amigos dos animais a continuar a trabalhar parao bem estar dos animais carenciados.

Por aqui se vê que um pequeno (grande) gesto pode fazer TODA a diferença, vale a pena ver.
Vejam e divulguem ok?

1 diga lá:

Formiguinha disse...

Fez-me lembrar mto os meus meninos: como eram quando chegaram e como são agora. Vale bem a pena todo o esforço que fazemos e toda a dedicação que colocamos na recuperação deles. Nada me dá mais satisfação do que poder ajudar um animal!

Por outro lado fico sempre deprimida por ver o estado em que alguns estavam e saber que ainda há tantos assim!

Jinhos***

 
Design by Pocket