"...nem todos os dias são dias de olhar feliz. Estes dias raramente nos são oferecidos (daí o seu mistério) e quase sempre têm de ser construídos, desenhados, conquistados. Nesta procura do sentir a alma plena dos reflexos doces destes dias de olhar feliz, a vida, a nossa vida, mistura dor e alegria, sofrimento e felicidade, desilusão e sonho, amargura e paixão, choro e riso, ódio e amor. Assim, quando nessa busca constante O vento te rugir e a chuva cair em massa, quando o céu te fugir e sentires o teu amor em desgraça, quando o arco-íris te mentir e a sua recordação ficar laça, lembra-tedo brilho divino que vislumbraste nesta promessa de amor eterno….Lembra-te Que o vento, a chuva, o cinzento do céu, o arco-íris, as tuas lágrimas, as tuas duvidas, todos eles fazem parte do mistério da vida. Lembra-te Como Pessoa, que: “O mistério das cousas? Sei lá o que é o mistério. Único mistério é haver quem pense no mistério.”Aí ergue os teus olhos para o firmamento e procura devagar, em paz, o caminho de regresso ao vosso arco-íris de mãos dadas com o brilho intenso e mágico (quase irreal) da mais nova de todas as estrelas do céu..." LC21/06/97

25/06/2008

Mais informação sobre a mutilação intencional do cão de Cacia

25/06/2008
Recebido por e-mail a 25/06/08
"Caras/os Amigas/os dos animais,

Na impossibilidade de enviar um mail individual a cada um/a de vós (em condições normais necessitaria de muitas horas para responder a todos, mas acresce que o meu computador está a bloquear a cada uma ou duas palavras que escrevo, o que me faz demorar imenso tempo a escrever qualquer coisa, por pouco que seja), envio esta mensagem para todas as pessoas que pediram mais informações sobre o cãozinho de Cacia-Aveiro, que se empenharam em ajudar na denúncia do caso, quer ao SEPNA, quer aos orgãos de comunicação social ou que me enviaram endereços.

Para além das informações que enviei à Berta Brazão e que ela transcreve infra, apenas posso acrescentar que:

1. poderão ir seguindo o processo por contra-ordenação contactando o SEPNA de Aveiro, através do nº 234378220, e perguntando pelo estado do processo 2113/08, aberto no SEPNA, SOS de Lisboa e enviado para o SEPNA de Aveiro.

2. as voluntárias de Aveiro convenceram os donos do cão a apresentar queixa crime na GNR de Cacia. Eu mesma contactei a GNR de Cacia quando os queixosos lá se encontravam e, receando que a GNR não recebesse a queixa crime por eles não apresentarem o registo do cão, disse-lhes que eles não podiam recusar a queixa por falta de registo do cão, não só porque juridicamente é válida a prova testemunhal, mas também porque não lhes compete a eles avaliar os meios de prova. Eles apenas têm que receber a queixa e fazê-la seguir para o Ministério Público.É este que tem competência para decidir se o processo deve prosseguir ou deve ser arquivado. E se decidir que deve ser arquivado ainda é possível recorrer do despacho de arquivamento. O agente que me atendeu disse-me que estivesse descansada que fariam tudo de acordo com a lei.
Mais tarde fui informada por um jornalista, que a GNR de Cacia não recebeu a queixa crime por os queixosos não terem o cão registado em nome deles. Contactei de novo a GNR para saber o que se tinha passado e a mim disseram-me que os queixosos não apresentaram queixa crime, apenas relataram os factos e que haviam remetido o auto para o SEPNA de Aveiro.
Contactei em seguida o SEPNA de Aveiro. A pessoa que me atendeu disse-me que lhe parecia que a GNR de Cacia ainda não tinha enviado nada para o SEPNA, mas não tinha a certeza. Que iria, no entanto, contactá-los e amanhã talvez tivesse mais informações sobre o caso.

3. falei telefonicamente com a dona do cão e disse-lhe que a poderiamos ajudar se ela quisesse apresentar queixa ao Ministério Público. Como ela concordou, está a ser feito o requerimento por uma Advogada e brevemente dará entrada no Tribunal de Aveiro.

4. a Clínica onde foi levado o cãozinho foi a Clínica Planeta Animal, de Aveiro, pertencente ao Dr. Marcelo Santos.

Aproveito para vos informar que estou a organizar um dossier sobre crueldade contra animais, para apresentar a quem de direito, numa tentativa de sensibilização para a necessidade de se tomarem medidas urgentes que protejam eficazmente os animais. Peço-vos, por isso, que me enviem todos os casos de crueldade contra animais que conheçam, com relato dos casos e fotos. Independentemente de quaisquer medidas de emergência pontuais que possam vir a ser tomadas, pode ser que isso contribua também para que finalmente tomem consciência da premência de que seja discutido e aprovado o "Código de Protecção dos Animais". Quem ainda não assinou o "Manifesto Animal", não deixe de o fazer rapidamente. Que o sacrifício do Cãozinho de Cacia e de tantos outros animais não tenha sido em vão.

Depois de muitas horas a lutar contra o computador, pedi à Sofia Gaspar que fizesse circular na net a informação que ainda não tinha dado. Contudo, consegui finalmente terminar este mail, começado ontem, e, por isso, estou a enviá-lo. Espero poder resolver rapidamente o problema do computador, mas, neste momento, caso queiram alguma informação o melhor é contactarem-me telefonicamente, ou enviarem um mail para a D. Conceição Feiteiro saofeiteiro@fd.ul.pt, que está a ajudar neste caso e conhece todos os pormenores.

Obrigada a todos

MCV"

6 diga lá:

Sérgio Pontes disse...

eu fui um dos que recebi esse mail e já o reencaminhei o mais que pude. Revolta-me isto! Tomara mesmo que alguem lhe fizesse o mesmo àquele filho da pxxx que fez aquilo, que é o que ele merecia! Desjo-lhe do fundo do coraçãop que ele sofra pelo menos mais umas 100 vezes do que o pobre animal sofreu até que morreu, coitadinho!

Bem beijinhos e desculpa lá o desabafo!

PS: apesar de as imagens serem muito fortes, devias pensar em acrescentá-las ao post, pois é no despertar de consciências que aos poucos as mentalidades mudarão!

ps2: Eu julgo que não tens as imagens no post, mas é que aqui no computador do trabalho as vezes nem todas as imagens abrem!

Anónimo disse...

Tambem já reecaminhei a todos os meus contactos foi um crime horrendo este descerebrado tem que pagar por isso!!
O cãozinho era parecido com um que tenho em casa não sei como foi capaz de causar tanto sofrimento ao animal nem quero imaginar a dor do pobre cão!!
Quero assinar o manifesto animal só preciso do link já sabes onde me encontrar!

Bjs
Carla

Spike disse...

Hoje no Correio da Manhã saíu a notícia. Felizmente o bombardeamento que se tem feito aos orgãos de comunicação social está a surtir efeito.
Que mundo vergonhoso.

Marlene Anjos disse...

Aqui vai...isto é uma ameaça...se eu fico a saber onde mora esse grandessíssino besta, atropelo-o, esmago-o, enveneno-o, queimo-lhe a casa e o carro, o trator e a máquina de ceifar...
Essa aberração cromóssomica que se dá pelo nome de Vitor Pereira Marques morador na rua das roçadinhas em Cacia, vai-se ver comigo e com mais uma banda de ciganos e aconselho-o vivamente a mudar-se para outro país ou a arranjar uma patrulha de segurança...porque enquanto eu aqui estiver NÃO DESCANSO ao ve-lo impune...VAIS APODRECER!

Luna disse...

o filha da mãe sem sentimentos seja julgado pelos crimes de mau tratos cometeu.
bjinhos

Margarida disse...

gostei da sugestão da marlene anjos. assim, ele ficava a saber o que é que é sofrimento!

 
Design by Pocket