"...nem todos os dias são dias de olhar feliz. Estes dias raramente nos são oferecidos (daí o seu mistério) e quase sempre têm de ser construídos, desenhados, conquistados. Nesta procura do sentir a alma plena dos reflexos doces destes dias de olhar feliz, a vida, a nossa vida, mistura dor e alegria, sofrimento e felicidade, desilusão e sonho, amargura e paixão, choro e riso, ódio e amor. Assim, quando nessa busca constante O vento te rugir e a chuva cair em massa, quando o céu te fugir e sentires o teu amor em desgraça, quando o arco-íris te mentir e a sua recordação ficar laça, lembra-tedo brilho divino que vislumbraste nesta promessa de amor eterno….Lembra-te Que o vento, a chuva, o cinzento do céu, o arco-íris, as tuas lágrimas, as tuas duvidas, todos eles fazem parte do mistério da vida. Lembra-te Como Pessoa, que: “O mistério das cousas? Sei lá o que é o mistério. Único mistério é haver quem pense no mistério.”Aí ergue os teus olhos para o firmamento e procura devagar, em paz, o caminho de regresso ao vosso arco-íris de mãos dadas com o brilho intenso e mágico (quase irreal) da mais nova de todas as estrelas do céu..." LC21/06/97

19/12/2005

Pastora alemã procura família

19/12/2005

Para quem não sabe, o nome deste blog - INCA e a razão da sua existência, é o da perda da minha linda INCA; uma pastora alemã linda, que teve que partir no dia 15 de Abril deste ano, tinha só 4 anos e ficou doente, nada se podia fazer e ela teve que ir embora.
Foram dias terríveis de saudade e de dor, nessa altura resolvi criar este espaço, para poder transformar em palavras, a angustia e a tristeza que me ia na alma, as pessoas que estavam à minha volta já não tinham pachorra para as minhas lágrimas e nem sequer percebiam esta minha necessidade de estar sempre a falar na mesma coisa, daí o nome e a existência deste blog.
Com o passar do tempo, fui falando aqui de outros assuntos, já tenho uma nova amiga de 4 patas e claro que os temas mudam, no entanto o nome continua o mesmo INCA, é a minha forma de homenagear a minha linda amiga, ao contrario de outras pessoas, eu nunca evito recordar a minha grande amiga, e por isso nunca me ocorreu mudar o nome.
Sempre que lembro da forma como a minha linda INCA olhava para mim, essa recordação aquece-me a alma, era um olhar mágico, de amizade e de cumplicidade, a recordação desse olhar, acompanha-me todos os dias e vai sempre ficar comigo, é uma sensação única, sinto-me uma privilegiada por ter essa recordação. Isto tudo que Estou a escrever isto tudo só para explicar o que senti hoje ao ler neste blog, isto:
* Pastora alemã procura família
No passado dia 8 de Dezembro, foi recuperada esta pastora alemã, com menos de um ano. É muito meiga e, muito em breve, será esterilizada.
Nunca correu, nem teve liberdade, pois estava amarrada com 30 cm de corda num vão de uma cozinha virada para a parede (nem conseguia ver quem passava) .


Tenho muita pena desta linda menina, mas, também tenho muita pena, das "pessoas" que lhe fizeram isto, apesar de terem provocado muita tristeza a esta menina, nunca terão o privilegio de recordar o olhar dela, como eu tenho, nunca poderão sentir o que sinto, sempre que recordo o olhar da minha linda INCA, este é um caso claro, em que todos perderam e ninguém ganhou, perdeu esta linda menina que durante um ano nunca sentiu carinho, mas os “animais” que lhe fizeram isto também nunca terão a oportunidade de sentirem a magia de um olhar quente, como eu tive durante 4 anos. Espero muito sinceramente que esta menina encontre alguém que a trate como ela merece, pois vai ser um sortudo, ela vai retribuir e fazer muita magia, pois o olhar dela promete!

3 diga lá:

Fernanda Carvalho disse...

Acredita que é uma bonita homenagem à INCA e mesmo que um dia este blog acabe, as recordações que tens dela nunca vão desvanecer e hão-de sempre aquecer a tua alma e o tu coração nos momentos mais tristes.
Eu acho que na vida tudo sem o seu lado positivo (como as pilhas! ;o) Lol), e é importante que nós consigamos enxergá-lo mesmo que as lágrimas por vezes nos turvem o olhar. O amor que a Inca teve por ti, e tu por ela, os testemunhos que tu dás, a alma que colocas em cada post que escreves... tudo isso, é P-O-S-I-T-I-V-O! (E o facto da gente se ter conhecido tb!)
É nestas pequenas coisas que se reflecte a memória da Inca! Não duvides!
Uma grande beijoca
~º(",)º~
Fernanda

P.S. E espero que alguém venha a conseguir dar um lar decente à linda pastora-alemã que procura uma família para amar!

Anónimo disse...

É a 1ª vez que aqui venho, compreendo a tua sensibilidade para os animais, tambem tenho 2 e adoro-os, cada vez amo-os mais são tudo para mim.
Custa-me imenso ver animais presos, moro numa zona onde existem muitos animais, muitos deles fiquem presos durante toda a sua vida, chego a pensar será que os donos não tem a humanidade de os soltar 5 minutos, dar-lhes um pouco de alegria os olhos deles mostram tudo quando os meus cães passam por eles todos alegres.
A civilização de um povo vê-se na maneira como trata os seus animais e nós ainda estamos a anos de luz da civilização.

Feliz Natal
Heidi












Feliz Natal
Missanga

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
 
Design by Pocket